7 de junho de 2017

foi um susto ao
abrir a cortina
para o que vinha,
de repente um
clarão, de supetão
meu corpo cedeu
no chão, e me
vi atordoada dos
sentidos, meus
ouvidos sentiram
a vibração da luz
dos teus passos
desde então te sigo
no escuro e me sinto
estranhamente-iluminada
é certo que o
amor é cego,
porque meu Deus:
como você brilha.


Cáh Morandi

Nenhum comentário:

Curta