12 de dezembro de 2016

o amor é sempre
um relógio atrasado
em muito tempo
em mim
por isso o ar de surpresa
como se não te esperasse,
porque de fato não sabia
que virias coroar os dias
antigos me percorrendo
pé por pé, ensaiando
o som de meu assoalho
aceito amar sem saber
a espera, sem premeditar,
sem questionar de que
futuro você vem me
desvendando

Cáh Morandi

Curta