31 de janeiro de 2013

Direta


Eu encaixo certinho no teu abraço. É um pouco timido ainda, é um pouco frio ainda, mas sei que tenho meu lugar no mundo. Seu olhar me procura na multidão, sempre me encontra. Sua mão segura meu pulso no meu passar, volto para te firmar. Tenho medo do que posso sentir, tenho medo de te dizer sim. Só não quero deixar de ir, de retribuir teu gesto discreto, teu riso ingênuo. Te levo como meu último pensamento antes de dormir.

Sim, isto é para você.

Cáh Morandi

22 de janeiro de 2013

22.01.13


Mesmo que a gente não se cumpra
foi bom ter a sensação de um talvez,
valeu a palpitação de um "quem sabe",
a esperança do futuro não realizado
sustentou meu presente esquecível,
te amar não foi sacrifício, nem ir -
me bastou a possibilidade,
a ansiosidade do amanhã transferido.
Melhor assim do que nada...
Guardo essa pontinha minúscula de felicidade
com a gratidão de quem encontrou algo valioso:
uma possibilidade de amor nos basta
para que a vida não seja em vão.

Cáh Morandi

21 de janeiro de 2013

Preciso

"Preciso abrir mão de você. Embora te queira com interminável amor, embora a vida simplesmente irá passar por mim. Não tente questionar, toda minha coragem está em te deixar partir. E todo meu amor. E toda minha alegria. E todas as minhas expectativas."

Cáh Morandi

20 de janeiro de 2013

"O que aconteceu com seu futuro que era o meu?"

(Título: Nunca foi tarde, Paulinho Moska)



Saudade é só o tempo que já não temos
a palavra que não se repete, mas ecoa
o gesto que não percebe, mas desmorona
o amor que não vive mais à toa
dentro do nosso olhar.

Saudade é só mais um verso, um apreço
que amanhece reverberando na tez,
absorvendo o ar... desviando o fôlego,
desnorteando um caminho sem volta.
Não sei como ir e nos deixar, talvez não queira,
talvez não saiba, talvez não seja...

Um coração e um amor não precisam de acertos
tempo (in)certo ou efeitos para ficar e descortinar
tudo o que não ficou para trás.

Te amo, mas é sempre tarde demais.

18 de janeiro de 2013

discretamente



Acho tão bonito ver você escolhendo as palavras para me dizer. Não que escolhas as mais certas, não que escolhas as que me desarmariam... Mas teu gesto me ganha. Na verdade te amaria mesmo se a vida entre eu e você fosse silêncio.

Cáh Morandi

17 de janeiro de 2013

Salva-me


Estou com medo,
me ajude a não ter.
Não sei o quanto te amo, se
à ponto de arriscar meus planos
ou de atravessar os teus...
será que tudo isso é mesmo
errado diante de Deus?
tinha que ser você eu?
minha liberdade, teu lar
minha juventude, teu ponderar
minha agonia, teu esperar.
Amor não estava nos planos,
mas a paixão achou covardia.

Cáh Morandi

9 de janeiro de 2013

quem sou eu para você?



O que não sei de você 
é o fato de me querer
ou quem sabe, até amar
será que fiz por merecer?
será que minha resposta é você?
sobre as coisas que não entendo
sobre minhas esperanças de remendo
seu coração podia me responder?
sua boca podia apenas dizer
quem sou eu para você?


8 de janeiro de 2013

eu sou para você




Sei que você é o amor para mim, 
mas preciso ir, por aí, 
nessa mania de querer 
conquistar alguma coisa na vida. 

Vivo para ir longe pelo mundo
só para um dia voltar para você.

Cáh Morandi

Curta