14 de junho de 2013

dureza


Não sei bem certo quando amadureci demais para o amor. Me separei do poema, como águas de cores diferentes. Nos repartimos para nos multiplicar. Deixei o carinho nas palavras, levei a dureza para os dias. Uso a razão para não mais me ferir. Endureci não por falta de amar, mas por excesso. Nunca medi o tamanho do beijo, antes da paixão eu já cedia na entrega. Não mais, por agora. Uma serenidade me convidou ao descanso. Somente espero sem subornar a expectativa. Nem sempre a espera tem recompensa. Ela apenas favorece o tempo. E o tempo, traz cura. Hoje quero apenas companhia, uma mão pousada sobre a minha até o próximo domingo. Uma vida sem crer no amor é tão cruel como a morte. Por enquanto, adormeço.

Cáh Morandi

Um comentário:

Lustato Tenterrara disse...

Sabemos bem como é isso Princesa!

"Viver...
E não ter a vergonha de ser feliz.
Amar e amar e amar
com a certeza de ser um eterno aprendiz!


O problema é que chega um momento em que uma década passa em um ano. Mas "O maior problema é que ninguém tem nada com isso!

Não era isso que eu ia dizer, do Mario, foi que lembrei assim, de repente. Mas o mundo, tudo, tem hora que perde o senso, ou o sentido!

O que fazer? O que não fazer?
Um dia fiz um fotomicropoema da "Séria Série"³ "Vou Confessar Que..."

"Vou confessar que todos os dias
-- e dentro de cada noite --
penso, perdidamente, em você!"
(Lustato Tenterrara)

Aí, no Facebook Super Sincero, uma fotofrase acaba com tudo, feito tsunami: "-- Sabe aquela pessoa que você pensa nela toda noite antes de dormir?
Pois ela está com outra pessoa, e nem lembra que você existe!
"

Aí, o jeito é se salvar com Bocage: "-- Razão, de que me serve o teu socorro? Mandas-me não amar, eu ardo, eu amo!
Dizes-me que sossegue, eu peno eu morro!
(...)
Importuna Razão não me persigas!
Se, conhecendo o mal, não dás a cura,
deixa-me apreciar minha loucura;
Importuna Razão, não me persigas!
(Du Bocage)


Um bom Fim-de-Semana ParaTi, Cáh!

Bjs.

Lustato Tenterrara

_______________________________
¹ Letras Gonzaguinha

² Literatura Mario Quintana

³ Letras Blitz

Curta