21 de setembro de 2012

Re-querer



Só agora eu posso dizer que te amo, me perdoe. É possível voltar um pouco no tempo? Impossível, só descubro no tempo certo as coisas que não me servem e o que preciso, o que me parece imprescindível, escapou pelos dedos da minha mão e eu não vi. Uma lágrima passa nos lábios e rouba o som do riso, as canções falam por nós. O mundo dá muitas voltas para nos levar a todos os lugares, menos naquele que poderia ser nosso verdadeiro lar. Nosso. Se pudéssemos desocupar todos os nossos espaços, talvez o vento levasse embora essa vontade de voltar ao começo, quando amar era só aquele silêncio à par de um segredo, de uma coragem. Você sorri em toda parte. Voltar agora é como cruzar repetidas vezes uma onda de impossíveis. Voltar é o meu destino mais comprido instalado no peito, que só agora consegue dizer que te ama, me perdoe. É possível me aceitar de volta nos seus pensamentos? 

Cáh Morandi & Priscila Rôde


2 comentários:

Val Santiago disse...

Cah, eu sinto tanta verdade em suas palavras. Elas não parecem apenas um trocadilho de letras que precisam ser coerentes ou, rimar no final.
Elas contam uma história, um amor. E tudo isso é real e tocante.
Continue escrevendo. Sou sua fã! Bjus

shengda xu disse...

air max 90
swarovski uk
adidas superstars
adidas trainers
fitflop shoes
coach outlet online
nfl jerseys cheap
louis vuitton factory outlet
louis vuitton outlet online
michael kors
xushengda0510

Curta