31 de outubro de 2011

Milenar



Imagem: Amanda Cass




Os nomes são endereços, incompletos.
Sobrenomes são perplexos ancestrais
Que sem sinais, fizeram um caminho
Entre destinos, repletos azuis e corais.


No começo, alguém já viu algo brilhar
Até nomear a luz no negro, estrela.
Também quando vi teu nome, meu lar
Sabia encontrar o que era, tudo.
Tantas palavras para se criar,
indizível é o teu olhar, meu rumo.


Teu dentro em mim, rascunho.
Fora de mim, deserto.
Território desalinhado.
Anti – final exato.


Peito de vidro, estilhaço.
Múltiplas falas e abraços.
Gravo, muito antes do corte.
As constelações são infinitas, milenares.
O brilho é nosso, ainda.






Cáh Morandi & Priscila Rôde

10 comentários:

Priscila Rôde disse...

AMEI! =)

Josiana Leite disse...

ótimo texto adorei conhecer, boa semana

Marcos Satoru Kawanami disse...

Cáh,

A tua lira tem endereço perdida na Constelação de Lira em que delira a fim de que vc beba do samba com sóbria caligrafia.

Este eu entendi, e a primeira estrofe foi feita com atenção especial, ou veio de repente e motivou tudo - vc sabe o que digo...

BjóKawanami

Thammy Kherullyn disse...

Como não gostar e se identificar com o que vocês, que são duas, escrevem? Gosto cada vez mais.
Beijoca.

Angella Reis disse...

Belíssimos versos, todas as estrofes! =*

"Peito de vidro, estilhaço.
Múltiplas falas e abraços.
Gravo, muito antes do corte.
As constelações são infinitas, milenares.
O brilho é nosso, ainda".

O mesmo peito que aquece ás vezes machuca, corta o coração da gente. Mas fica guardado a um canto do coração todos os momentos maravilhosos vividos sob o céu estrelado. O brilho é nosso, ainda. Deixa ficar subtendido.

Seguindo! Ah te add lá no face tbém! bjs =*

"Alma Exposta" disse...

"Teu dentro em mim, rascunho.
Fora de mim, deserto."


Ahhhh Poeta Linda...Ti Amamos..!!

Luciana Mira disse...

Que saudade que eu estava de passar por aqui!

Gislene disse...

Você sabe o que é o Amor Insuperável?
Espero você em meu blog, amiga!

Beijo e uma linda semana!

Gi.

Ana C. disse...

passando pra deixar um beijo
desejar Luz
e dizer que foi bom passar o ano entre lindas palavras...

Búh. disse...

Gostei muitoo, mas tenho um pouco de dificuldade em lidar com poemas sem estruturação linear.. quero dizer, ou é linear ou não.. entende? Mas mesmo assim, verso a verso, esse escrito tem muita qualidade.

Curta