4 de janeiro de 2009

gravidez imaginária


homens não sabem
que não é só de filho
que mulher engravida
fazem a gente sonhar
(re)planejar uma vida
recalcular todos os planos
(não incluir os danos)
dizem que amam
(nem sempre sentem)
dias desses largam
a gente por coisa qualquer
não sabe o homem
que deixou grávida
uma mulher
de fantasia






(Cáh Morandi)

7 comentários:

Laninha disse...

Já engravidei tantas vezes q até perdi a conta...rs... Hoje, mais precavida, uso sempre q posso um método contraceptivo infalível: a razão.

Lindo poema.

Robson Ribeiro disse...

Olá!

Um dos melhores poemas que já li aqui. Caramba!

Vou guardar com carinho. A primeira rosa de 2009.

Beijos e Obrigado.

Felinea disse...

o ganhar e o perder.

bom mesmo é engravidar de vida.

cáh, esse teu poema é a coisa mais linda!

:)

nicinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
nicinha disse...

CÁH!!!
Sua poesia é simplismente fantástica,novamente toca em mim e me sinto explícita por suas palavras...
Bjo no seu coração e tudo de melhor para você em 2009!
Nice

William De Lucca disse...

Vixe,
eu vivo grávido,
e vivo tendo abortos espontâneos.

Yaro Gabriel disse...

www1013





pandora jewelry
ralph lauren polo
michael kors outlet
nike tn
mbt shoes
ugg boots outlet
moncler jackets
ralph lauren polo
ralph lauren polo
birken stock

Curta