7 de setembro de 2008

about a small time


Quanto tempo se tem
para amar alguém
que a gente não amou ainda?
Alguém que a gente esperou tanto
quase toda uma vida
só para poder ver e estar?
Tantas horas
vamos perder só no encantamento
de se olhar
de admirar a beleza que criamos...
Tanto silêncio
para dizer o que valerá por anos
e tanto, e tanto, e tanto
do tudo que ainda virá


Sentir o ar que o outro solta
e os seus pêlos se arrepiarem
e seus pensamentos se fracionarem
em pequenos gestos de amor
tudo para nem pensar
em ir para cama...
amar estava sendo aquilo:
a admiração e beleza
de se encontrar.


(Cáh Morandi)

3 comentários:

lyani disse...

Difícil comentar porquê corro o risco de ficar redundante e sem graça, só sei dizer que é lindo, lindo, lindo!
Tudo que você escreve.
Parabéns
Bjos

lyani disse...

Difícil comentar porquê corro o risco de ficar redundante e sem graça, só sei dizer que é lindo, lindo, lindo!
Tudo que você escreve.
Parabéns
Bjos

Carolina Salcides disse...

Cah, parabéns por tanta sensibilidade, maestria com as palavras e vida.
Conheço seu trabalho desde o ano passado, quando um amigo, Ricardo Martins, me mandava por e-mail poemas seus...
Falas do amor de uma forma tão simples, pura, forte e verdadeira.
Gosto de te ler....
Passei para dizer que te linkei no meu novo blog "Ká em Mim..."
Beijos querida, Ká

Curta