5 de maio de 2008

Sem saber

(é assim que ainda te vejo... dorme)


não vou saber o que sentir
enquanto te observo dormir
depois de me amar;
não vou saber o que falar
assim que você acordar
e de repente sorrir;
não vou saber o que dizer
só vou saber o que vou querer:
na tua vida me deixar



(Cáh Morandi)

2 comentários:

Suggarlife disse...

Terno e doce Cáh como a entrega no amor.Lindo.

Serginho Reis disse...

Quando não souver o que fazer...
Continue amando, e não terás feito coisa melhor.

Te amo, praia bela.

Mar.

Curta