20 de abril de 2008

Suicida





Caminhou calmo até o saguão
Amarrou o amor no teto
Subiu no banco da solidão
Lançou-se ao chão intocável:
Enforcou-se meu pequeno coração!

Laudo:
Morte morrida.
Suicida sem razão.



(Cáh Morandi)

Nenhum comentário:

Curta