16 de dezembro de 2007

Estar (nú) olhar



Teus olhos tinham medo
naquele fim de tarde
(medo de partir sem
a imagem do meu sorriso)
então os beijei de leve
e os guardei comigo,
porque é bonito ter os
olhos de quem se ama
e nos vermos ali, por acaso,
como um valioso tesouro,
precioso na clara retina,
e saber ser a visão do amor
no olhar de um alguém.


[ Cáh Morandi]

Nenhum comentário:

Curta