27 de dezembro de 2007

Ainda que seja dia


E porque não você não está aqui
Essa noite será longa e triste:
Não cantará nenhum astro,
Nem o vento beijará as folhas...
Meu amor, tua ausência
Desmorona as certezas
E só faz com que se
Aprofunde a só madrugada...
... pouco adianta que nasça
O sol daqui a pouco
Pois ainda será noite,
Ainda ficarei medo,
Ainda não terei sono.

[ Cáh Morandi ]

Um comentário:

Val Santiago disse...

Me deleito nessas palavras. Sinto saudades do meu amor. Fico imaginando como é a vida dele. Como é Richmond nas noites frias e nos dias ensolarados. Há muitas pessoas nos parques? Há muitas muitos jardins? As minhas perguntas aumentam, o meu amor aumenta e a minha saudade também! Cáh, obrigada por compartilhar tanta beleza! Bjus

Curta