26 de setembro de 2007

Hoje não



Pode ser um outro dia qualquer
Desde que não seja hoje...
Me recolho em algum canto
Onde tudo que quero
É beber um pouco de solidão
Onde posso ficar de pijama
Passar o dia na cama
Esperando entardecer
Espera vir um novo sol
Que possa me alcançar
E então venha,
Mas agora não,
Porque estou em mim,
Lá dentro, caçando,
Me perdendo
E me encontrando...
Aos poucos me preparando
Para que você possa vir.


- Cáh Morandi

Curta