2 de julho de 2007

Mais que três palavras


A questão não é só falar: Eu te amo.
Eu só queria explicar que quando eu digo isso (Eu te amo), não são somente três palavras sem nexo ou soando o ar de ser algo tão natural e não profundo. Há muitas coisas por trás dessas letras, muito mais do que comportaria minha própria existência. Quando digo Eu te amo é porque eu lembro de todas as vezes que nos amamos, dos presentes trocados, dos passeios que fizemos, das tardes que conversamos, dos filmes que assistimos, das vezes que você cantava ao meu ouvido, dos nossos banhos, dos nossos planos de salvar o mundo.
Quando digo Eu te amo é porque quero te pedir um pouco mais de carinho, um abraço que dure por um bom tempo, um pouco de paciência com minha pressa, mais calma com tua ansiedade, ou quem sabe somente um eu te amo como resposta.
Quando digo Eu te amo ele vem carregado de coisas nossas, vem cheio de detalhes, repleto de desejos e saudades.
Então quando ouvires eu dizer Eu te amo, pense em todas as possibilidades que essas três palavras podem significar.

Hoje só queria dizer Eu te amo... compreendes o que quero dizer ?


( Cáh Morandi )

Um comentário:

marcelo disse...

SUAS PALAVRAS REFLETEM BEM OS SENTIMENTOS FEMININOS QUE TODAS SENTEM, QUE POUCOS HOMENS CONSEGUEM ENTENDER E SENTIR ATRAVES DE UMA LINGUAGEM VISUAL, SENTIMENTAL E ESPIRITUAL

Curta