1 de junho de 2007

Vem viver



Os amores morrem nos sonhos
Por ali eles fogem do que podem ser.
Amor crescido fica frio,
E com tempo distante.
Porque a gente sonha com quem ama?
Porque a gente não ama e depois sonha junto?
Eu só não quero mais viver na fantasia,
Eu não ter que imaginar teus lábios doces,
Ter que buscar tua imagem todo dia.
Eu não quero mais te sonhar,
Não te quero ver morrer aqui, meu amor.
Vem... vem... vem
Vive teus sonhos ao meu lado.
Todo esse amor é um aprendizado
Da vida que não quiseste ver.
Vem... vem.. vem...
Mesmo que seja um pecado,
Mesmo que seja errado
Eu e você.

Nenhum comentário:

Curta