7 de maio de 2007

O que sei do amor



Eu sei que te passa o tempo
E tens histórias pra contar
Mas o que posso fazer
Se meus olhos de menina pequena
Encontraram em tua vida serena
Vontade de se entregar ?
Já tiveste tantas mulheres
Belas, maduras e inteligentes
E desconfio então se me queres
E aceita essas poesias como presentes.
Eu tenho pouca coisa pra contar
Sei te fazer um pocado de versinhos
Mas se me quiseres, te darei todo o carinho
Que nem uma delas soube te dar.

Já que tens a mais primaveras
Deixe que nas próximas eu esteja entre elas
E te faça novos sonhos sonhar
Junta comigo o teu destino
Reencontra o teu olhar de menino
E reaprende comigo o que é amar
Te juro pra sempre falar
Que te amo, te amo, te amo
Além do que o amor possa expressar.

( Cáh Morandi )

Nenhum comentário:

Curta