6 de abril de 2007

Caminho de ir embora


Eu passava sempre por aquele caminho
Não que ele fosse a minha rota,
Mas eu gostava de passar por ele
Lembrava-me aquela rua
A vontade que eu tinha de ir embora.
Desconfiava eu toda vez que ali passava
Que estive terminando a longa espera
E que logo eu poderia partir.
Incontáveis vezes fiz esse trajeto
Mas sempre morei por perto
E ainda embora não consegui ir.
Naquela rua permanece meu sonho viajante
Que espero um dia não ser mais sonho
Verdade será quando dela eu estiver distante.

( Cáh Morandi )

Nenhum comentário:

Curta