15 de fevereiro de 2007

Príncipe, pequenino
De alma tão grande
E olhos de menino
Medo pra quê ?
Tanta coisa errada nesse mundo
Não seria lindo eu e você ?
Se bate mais forte o coração
Deixa-te dormir em meu peito
Segure para sempre minha mão
E quando o mundo se virar para nos ver
Vou me jogar em teus braços
E tão cheia de vontade beijar você.

Nenhum comentário:

Curta